OCINÓRI - A Tasquinha do Irónico

segunda-feira, maio 14, 2007

NOBRE NAÇÃO... DOENTE!

Ora isto realmente cheira a mofo.
Depois de uns meses de ausência, eis que volto das catacumbas em que se encontrava a minha alma. Deveu-se um pouco, a mais uma viragem na minha vida… não de 360º (como algum jogador de futebol disse – só podia ser não é?) mas sim uns 180º ou dois de 90º… não sei!

Houve alguns acontecimentos, durante a minha ausência, que abalaram o país… Esta nobre nação Valente!

Na Madeira houve eleições… penso eu! Afinal o rei não vai nu… querem-lhe tirar os milhões mas mesmo assim o povo madeirense falou mais alto e preservou os seus mais básicos instintos! Será que era este o resultado para que se grite o grito do Ipiranga? O meu desejo é que o Sr. Jardim… grite!

Somos à partida um estado de direito e com garantias… mas atitudes xenófobas NÃO! Deve ser impressão minha ou o Sr. do PNR tem uns belos traços desse belo ditador chamado Nero. Será que o líder deste partido sabe tocar harpa quando os subúrbios de Lisboa e Porto começarem a arder por causa de cartazes inflamatórios?
Parabéns Gato… isto com portugueses não vai lá!

Soube em primeira-mão, que Simão vai fazer vários episódios do Serviço de Urgências. O Nuno foi contratado para Anatomia de Grey… Luisão e Mantorras já conhecem os guiões para vários episódios do Dr. House!
Mais dois meses de competição e o plantel do Benfica acabaria na série Sete Palmos de Terra!
Outros que não se riam… Pinto da Costa e Valentim muito jeito davam nos Sopranos!

Como já tinha dito… a minha vida deu uma volta e voltei a andar num chaço que me leva a casa… chama-se carreira!
Já não bastava aturar um e… de um momento para o outro tenho de gramar com três!!!! As duas carreiras e um chaço!!!! Chiça!!! É mau demais!!!

Última… para irmos embora!

Caros amigos… é que vai uma confusão na Câmara de Lisboa! Nem vou entrar em pormenores porque isto para mim é um dejá vu!
O mais engraçado foi aquela manifestação espontânea nos paços do concelho, por uma boa dezena de apoiantes… na defesa de ideais, convicções, causas… Lindo! Foi Lindo!
Estes foram alguns pensamentos dos digníssimos apoiantes:

a) Carmona… não te vás embora! Tenho um barraco ilegal e só tu podes fazer para que ele fique legal! Depois será um restaurante de luxo e tu podes comer à pala!

b) Sr. Presidente… a minha filha precisa de um emprego… fazer pouco, ganhar bem e não utilizar muitos os neurónios… porque ela não tem! Só tu podes me safar desta… Não vás!
c) Ó pá… que se lixa a Bragaparques! Tenho ali um estacionamento à espera do teu aval… ganha-se umas massas!!!!

d) Amigo Carmona… adjudica-me lá aquela obra, que eu não me importo de receber daqui a dois anos… mas com juros! Não dava jeito ires embora agora!

e) A minha mulher bem tinha razão… Quase não existe diferença entre este gajo e o Santana! Arre…

Despeço-me de vós e perdoai-me a minha santa ignorância!

8 Comments:

  • Amigo Tente, benvindo sejas.
    Olha que eu acho que tu estás enganado, a nação não está nada doente. Está, isso sim, pujante! Eferverrrrscente! Não sabes que a currupção é um indicador de desenvolvimento? A batatada é outro? A pose pauloportística é um ingrediente fundamental de um estado desenvolvido? Olha para os nossos vizinhos da Europa a que quremos pertencer. Uns têm autênticas guerras civis, provocadas pela eta e pelo ira. Outros têm os suburbios a arder. Todos eles têm políticos do mais podre que há. É só seguir o exemplo.

    By Blogger Gustavo, at 10:24 da tarde, maio 16, 2007  

  • Nós perdoamos, vós perdoais, eles perdoam.
    É melhor perdoarmo-nos uns aos outros porque estou a ver que não sairemos desta ignorância.

    By Blogger June, at 7:59 da tarde, maio 28, 2007  

  • Ora já somos dois a sair dos confins de uma qualquer gruta... Também devo cheirar bem a mofo... infelizmente, ao fim de meses a tentar emitar um qualquer eremita, esqueci-me da minha password... e lá tive que começar de novo!
    Bjs

    By Blogger Lemon Vodka, at 12:45 da tarde, junho 05, 2007  

  • (limpando as teias de aranha e sacudindo o pó)
    OLha quem voltou! Tá lá? É da Polícia? Olhe, era para arquivar aquela queixa de desaparecimento...

    Bem vindo, pá, se bem que na altura que eu estou a comentar, já podes outra vez ser dado como desaparecido!

    By Blogger Rafeiro Perfumado, at 7:05 da tarde, junho 06, 2007  

  • Visite meu blog
    http://satanicoesardonico.blog.terra.com.br/

    By Anonymous Anónimo, at 12:38 da manhã, junho 10, 2007  

  • Sei que este comentário chega fora de tempo! Sei que este comentário não será lido por ti pela forma convencional! Mas tenho uma secreta esperança que, de uma forma, menos convencional, o irás ler ou que o estejas a ler enquanto o escrevo aqui nesta casa que criaste.

    Aliás, nem sequer se trata de um comentário, mas sim de um pequeno conjunto de palavras. Uma citação que me povoa a mente de forma, (quase) incessante e, por estes dias, contundente, e que facilmente reconhecerás, dado o interesse rebuscado que tínhamos (e temos) por toda a obra dos seus autores.

    Foi a melhor forma que encontrei para explicar o que não tem explicação (o que resulta simultaneamente em revolta e resignação):

    "THIS IS THE STRANGEST LIFE I'VE EVER KNOWN"

    ‘Ciao’ Tentini

    Eduardo

    By Anonymous Anónimo, at 4:53 da manhã, setembro 03, 2007  

  • Sei que este comentário chega fora de tempo! Sei que este comentário não será lido por ti pela forma convencional! Mas tenho uma secreta esperança que, de uma forma, menos convencional, o irás ler ou que o estejas a ler enquanto o escrevo aqui nesta casa que criaste.

    Aliás, nem sequer se trata de um comentário, mas sim de um pequeno conjunto de palavras. Uma citação que me povoa a mente de forma, (quase) incessante e, por estes dias, contundente, e que facilmente reconhecerás, dado o interesse rebuscado que tínhamos (e temos) por toda a obra dos seus autores.

    Foi a melhor forma que encontrei para explicar o que não tem explicação (o que resulta simultaneamente em revolta e resignação):

    "THIS IS THE STRANGEST LIFE I'VE EVER KNOWN"

    ‘Ciao’ Tentini

    By Anonymous edu@rdo, at 4:57 da manhã, setembro 03, 2007  

  • Dentro desta ironia que não deixa de ser a nossa e pela revolta inqualificável deste momento, encontro neste meio a conclusão de um fim não anunciado.

    Até sempre...

    By Anonymous Paulo_r, at 11:09 da tarde, setembro 04, 2007  

Enviar um comentário

<< Home